sexta-feira, 29 de novembro de 2013

O papa anti-capitalista



Mas que tal este papa argentino?
O homem é mesmo surpreendente.
Agora ele publicou um texto - Evangelii  Gadium - atacando o capitalismo que sempre foi tão caro ao Vaticano.
Francisco condenou o "capitalismo doutrinário", a deificação dos mercados e o sistema financeiro.
Lamentou a diferença crescente entre ricos e pobres, a sonegação fiscal dos ricos e caracterizou o cruel sistema de livre mercado como um assassino que é inerentemente pecaminoso.
Deve ter muito cardeal e bispo arrancando os cabelos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário